Tabela INSS 2019

Milhares de contribuintes e beneficiários do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) ficam bastante ansiosos quanto a divulgação da tabela INSS 2019. E se você é um deles, saiba que a Previdência Social já a divulgou por meio do DOU (Diário Oficial da União).

Trata-se de um calendário de pagamentos dos benefícios do INSS aos mais diferentes tipos de seguros da Previdência, a saber:

  • Pensões
  • Aposentadorias
  • Auxílios-acidentes
  • Auxílios-doença
  • Entre outros.

Desta forma, se você possui alguma dúvida sobre o assunto ou então tem curiosidade e deseja conhecer melhor sobre o funcionamento da Tabela INSS 2019 não pode deixar de ler atentamente este artigo até o final, uma vez que irei te apresentar todos os detalhes. E, ao chegar ao final do post você perceber que ainda tem algum questionamento a ser feito é só utilizar os comentários abaixo para que possamos te ajudar e esclarecer, ok?

Tabela INSS 2019
Tabela INSS 2019

INSS 2019

O INSS é uma autarquia vinculada à Previdência Social e ao DATAPREV, o qual é responsável pela fiscalização, assim como a gestão de recursos previdenciários e a concessão de benefícios sociais como, por exemplo, a aposentadoria.

Para quem continua trabalhando ativamente, o INSS 2019 é fundamental, uma vez que ele garante o acesso à aposentadoria ou, quando necessário, auxílio temporários e/ou permanentes que amparam devido aos imprevistos que podem acometer como é o caso de um acidente ou mesmo uma doença.

Nestes casos, é importante que o trabalhador contribua mensalmente com a Previdência, cujo procedimento é realizado por meio da Carteira de Trabalho assinada, cujos valores são pagos pelo empregador diretamente ao INSS, tendo por base o valor salarial que o trabalhador recebe.

As chamadas contribuições previdenciárias são descontadas diretamente do salário do trabalhador por alíquotas que incidem sobre as faixas salariais estipuladas pela Previdência Social.


Tabela INSS 2019

De acordo com o INSS, o pagamento deve ser realizado até o dia 15 do próximo mês aquele que diz respeito a contribuição. Além do mais, deve-se observar que a tabela é dividida em duas partes: uma direcionada para quem é empregado, empregado doméstico e/ou trabalhador avulso, e outra para quem é contribuinte individual e facultativo.

E mais: se houver o pagamento do 13º salário ele não deverá entrar na somatória da remuneração mensal, pois os valores da alíquota deverão ser empregados de forma separada.Segundo o INSS, se o trabalhador que se encontra na categoria de empregado, empregado doméstico ou trabalhador avulso e vier a ter mais de um vínculo empregatício, ele deverá somar o valor das remunerações recebidas para realizar o enquadramento correto conforme os valores de contribuição presentes na tabela.

Tabela INSS 2019 para Empregado, Empregado Doméstico e Trabalhador Avulso

Tabela para Empregado, Empregado Doméstico e Trabalhador Avulso 2018
Salário de Contribuição (R$) Alíquota
Até R$ 1.659,38 8%
De R$ 1.659,39 a R$ 2.765,66 9%
De R$ 2.765,67 até R$ 5.531,31 11%

Segundo a tabela de contribuições acima, informada pelo INSS, as alíquotas serão de:

  • 8% sobre o rendimento do trabalhador – quando seu vencimento mensal for de até R$ 1.659,38 ao mês;
  • 9% sobre o rendimento do trabalhador – quando seu vencimento mensal for entre R$ 1.659,39 e R$ 2.765,66 ao mês;
  • 11% sobre o rendimento do trabalhador – Quando seu vencimento mensal for entre R$ 2.765,67 a R$ 5.531,31 ao mês.

Dessa forma, um trabalhador com vencimentos mensais de, por exemplo, R$ 5.000,00 ao mês, terá o desconto mensal do INSS no valor de R$ 550,00, ou seja 11% de seu vencimento mensal.

Tabela INSS 2019 para Contribuinte Individual e Facultativo

Tabela para Contribuinte Individual e Facultativo 2019
Salário de Contribuição (R$) Alíquota Valor
R$ 937,00 5% (não dá direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Certidão de Tempo de Contribuição)* R$ 46,85
R$ 937,00 11% (não dá direito a Aposentadoria por Tempo de Contribuição e Certidão de Tempo de Contribuição)** R$ 103,07
R$ 937,00 até R$ 5.531,31 20% Entre R$ 187,40 (salário mínimo) e R$ 1.106,26 (teto)

* Alíquota do plano de Previdência Facultativo Baixa Renda;

** Alíquota do Plano Simplificado de Previdência.

Vale lembrar que a contribuição do INSS 2019 é obrigatória se o trabalhador tiver carteira assinada. O cidadão não possui a opção de não ter o desconto mensal, pois trata-se de uma das regras impostas pela Previdência Social do Brasil.


Reforma da Previdência 2019

Um dos pontos mais polêmicos sobre a aposentadoria no Brasil é a Reforma da Previdência, que está em trâmite no legislativo. Pelas novas regras que estão sendo discutidas, a aposentadoria funcionaria da seguinte forma:

  • A idade mínima da aposentadoria passará a ser de 65 anos para homens e 62 anos para mulheres;
  • Será necessário ter pelo menos 180 contribuições (15 anos) para ter direito a solicitar a aposentadoria;

Lembrando que essa nova lei ainda não foi aprovada, e não há perspectivas de aprovação de seu texto no legislativo, por se tratar de matéria muito polêmica. Apesar disso, muitos especialistas apontam esse como o melhor caminho para o Brasil sair do vermelho.


Calendário de Pagamento INSS 2019

Quando se fala em calendário de Pagamentos do INSS 2019 refere-se diretamente aos segurados da autarquia, ou seja, os aposentados, pensionistas e demais beneficiários da Previdência.

De modo semelhante a tabela de contribuição, o calendário ou tabela de pagamentos é dividida em duas partes: uma para quem recebe até um salário mínimo e outra para os beneficiários que recebem o valor superior a 1 salário mínimo.

Calendário INSS 2019
Calendário INSS 2019

Como se pode observar, a tabela possui as datas de pagamento para todos os meses do ano. Além disso, o beneficiário deverá conferir a data estipulada na tabela para o seu benefício. Para isso deverá verificar qual é o número final do mesmo e a respectiva data.

Para facilitar e se organizar financeiramente, aproveite e imprima o calendário de pagamentos do INSS.


Extrato INSS 2019

O extrato INSS 2019 é uma espécie de ferramenta que auxilia os contribuintes a consultarem os pagamentos do seu benefício. É por meio dele que se verifica as datas em que houve ou não o pagamento. Para obtê-lo é só fazer o seguinte:

  • Acesse o link do Meu INSS (https://meu.inss.gov.br/central/index.html#/)
  • Clique em “Extrato Previdenciário (CNIS)”
  • Faça o login.
  • Caso prefira, poderá se dirigir até uma agência da Previdência munido dos seus documentos pessoais e solicitar a impressão do documento.


Como Sacar o INSS

O saque do INSS pode ser feito diretamente nos caixas eletrônicos com o próprio cartão do banco e a utilização da senha cadastrada, ou seja, é bem simples e fácil.

Agora que você está por dentro das novidades, curta e compartilhe esse post com seus amigos e familiares.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...